LGBTQQICAPF2K+…Será mesmo que precisamos de tantas letras?

Esta semana recebemos um e-mail de um internauta chamado Marcelo Andrade sugerindo a ideia de mudarmos a nossa sigla para LGBTQQICAPF2K+. A nossa resposta foi a seguinte;

Entendemos a vossa sugestão e também compreendemos a sua preocupação entretanto,o GLS PLANET é um portal que na sua obviedade, atende a uma diversidade e desde 1999 quando surgimos, a sigla se resumia a três letras e esta questão nunca foi uma definição para atingirmos um universo plural que independe de siglas.

Como poderíamos mudar o nome de um site que por conveniência utiliza um termo curto (GLS) e fala pra tantas identidades de gêneros, para uma sigla tão extensa (LGBTQQICAPF2K+) que na teoria se distancia dos poucos informados pela dificuldade de comunicar-se e na prática se vale do mesmo ideal?!

o debate sobre a mudança da sigla vem desde 2008 quando foi aprovada em congresso nacional de gays, lésbicas, bissexuais, travestis e transexuais, realizado em Brasília. Acreditamos que temos que lutar por direitos. O que muda a luta se muda a sigla? Nada. Gastar tempo nesse debate é perder o foco da luta. Sendo GLS Planet ou LGBTQQICAPF2K+ Planet (Ufa, quanta letra) não altera o produto e nem a nossa essência.

 O caráter político é importante. É louvável, pois considera a questão de desigualdade de gênero dentro do movimento LGBT o que torna o assunto delicado mas , na prática, não vai transformar mundos e fundos. Tem outras questões mais importantes do que isso.”

o importante mesmo é ter uma maior mobilização dentro do movimento que seja um exercício necessário diariamente e que possa transformar a atual realidade tendo em vista a criminalização da homofobia e uma politica pública mais consistente daqueles que realmente lutam pela causa. Siglas valem apenas para definições de conceitos que no final das contas seguem um mesmo ideal de respeito e visibilidade e é esta ideia que devemos preservar!

Renata Dantas

Redatora do GLS Planet

Fale com a gente: contato@glsplanet.com.br

 

 

(Visited 5 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta